quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Eu sou assim, sou ímpar, única, do avesso, não me entendo, nem quero entender. Por isso não procuro as respostas em mim, talvez posso ficar decepcionada comigo mesma. Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é.

Nenhum comentário: